Wednesday, January 1, 2014

2013 (caracteres)


Enfim chegou 2014. Apesar de 2013 ter sido tão conturbado, meu ano foi uma calmaria bem diferente de toda a agitação ocorrida por todo o Brasil. Tenho muito pouco para contar em minha retrospectiva. Exatos dois mil e treze caracteres, para ser preciso.

Meu ano começou numa rápida visita a Piracicaba. Trabalhei até as últimas horas de ‘12 e só consegui chegar à cidade pouco depois das 23 horas, quando já ouvia os primeiros fogos comemorativos. Poucos dias depois fui ao Rio de Janeiro só para descansar - sim, há esta opção lá. Agradeço novamente ao lelesk Antônio pela hospedagem.

Agora uso fast forward para dar aquela omitida conveniente nos detalhes: após uma combinação de erros, turbulência e precipitação, doeu, mas foi necessário encerrar um relacionamento em março. Eu precisava de um bom tempo para mim e não disse isto como uma desculpa padronizada, como foi comprovado no restante do ano. Logo em seguida, em abril, visitei minha irmã e conheci Nova Iorque.

Maio foi, sem dúvida, o mês dos momentos mais significativos: voltei a frequentar a Igreja Católica e duas semanas depois o amigo Charlinho nos deixou. Minha reação a este evento foi adotar a introspecção, a reflexão e a busca por respostas a esta perda. A escolha por suspender minha conta do Facebook no começo de junho foi uma das formas de me desligar de distrações a esta busca.
Nossa Senhroa do Carmelo

Ainda no sexto mês houve as manifestações pelo Brasil e decidi não ser cúmplice desta patacoada. Escrevi dois posts a respeito: O Beemote Brasileiro e Caravana da Catarse. Esta discordância, aliás, faz parte da principal marca de meu 2013: a identificação e a consolidação de minhas convicções. O preço foram discussões e amizades perdidas para ter certeza de que eu nunca fui um libertário, ou seja, reconheci ser mesmo um conservador.

Ô!
As mudanças mais visíveis vêm da IBM com (surpreendentes) promoção e troca de time. Deixo Brasil e integro uma equipe mexicana*. Após dois meses cansativos e blog estagnado vai ser um alívio voltar a ter apenas “um emprego”.

* Só vou mudar minha área de atividade, mas continuo no Brasil e morando em Campinas. Maldita ideia de usar um número limitado de caracteres!

No comments:

Post a Comment

comentários

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...